07h00 - terça, 07/08/2018

Deputado do PS exige
medidas à empresa CP

Deputado do PS exige medidas à empresa CP

Depois de uma avaria ter deixado, no último fim-de-semana, cerca de 40 passageiros às escuras dentro do comboio perto da Vila Nova da Baronia, o deputado do PS eleito por Beja enviou ao presidente da administração da CP uma carta a exigir medidas para evitar novas situações do género.
Na carta enviada nesta segunda-feira, 6, com conhecimento ao ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro do Carmo diz não ser "aceitável que não existam planos de emergência a serem activados [pela CP] em situação de avaria", criticando ainda que "no quadro de funcionamento da linha ferroviária do Alentejo e no actual contexto de alertas meteorológicos não existam uma especial atenção para que as condições de permanência na estação de Casa Branca tenham o mínimo de condições de acesso a meios de hidratação".
O deputado socialista lembra que "até 2015 não foram previstas verbas no Portugal 2020 para a requalificação da linha férrea do Alentejo ou para o lançamento de um concurso para a aquisição de material circulante que reponham os padrões mínimos de qualidade e de respeito pela dignidade dos passageiros que devem caracterizar o serviço público de transportes rodoviários", acrescentando "que, por sucessivos desinvestimentos e inacções, a CP está a viver uma situação de emergência".
"E a emergência exige que se minorem os riscos e se salvaguardem as vidas humanas e os padrões mínimos de respeito pela sua dignidade", continua Pedro do Carmo, exigindo à CP a adopção de medidas que "assegurem a existência de apoio aos utentes sempre que se verifiquem situações como a ocorrida a 5 de Agosto, em que sob um calor de mais de 40 graus, não houve água, luz e muitos tiveram que se deslocar a pé, com crianças pela via".
Pedro do Carmo quer ainda que a CP reforçe "as condições de conforto mínimo dos utentes nas composições e na estação de Casa Branca, quer nas condições climatéricas quer no acesso a meio de hidratação, fundamentais perante o contexto de Verão ou das elevadas temperaturas", além de acelerar "os procedimentos para o lançamento do concurso internacional para a aquisição de material circulante para a Linha do Alentejo" e os procedimentos "para a realização dos estudos que permitam a integração dos investimentos na Linha Férrea do Alentejo nas próximas negociações com Bruxelas, no quadro da reprogramação do Portugal 2020 ou no pós-2020".


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 23/10/2018
Deputado do PS elogia medidas do OE 2019 para o interior
O deputado do PS eleito por Beja considera que a proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2019 "sinaliza a valorização do Interior" por parte do Governo, seja com benefícios para as empresas ou com o aumento das transferências para as câmaras municipais e juntas de freguesia.
07h00 - terça, 23/10/2018
Detidos em Ferreira
por furto de alumínio
A GNR de Ferreira do Alentejo devete no passado domingo, 21 de Outubro, dois homens, um de 33 anos e outro de 47, por suspeitas da prática do crime de furto de material em alumínio.
07h00 - terça, 23/10/2018
GNR apreende material
contrafeito na Feira de Castro
A GNR de Almodôvar apreendeu no passado sábado, 20 de Outubro, um total de 794 artigos contrafeitos na Feira de Castro, tendo identificado cinco pessoas com idades entre os 23 e os 59 anos.
07h00 - segunda, 22/10/2018
BE que mais investimento
na Saúde para o interior
A líder do Bloco de Esquerda (BE) esteve neste domingo, 21 de Outubro, em Castro Verde, onde defendeu, no âmbito do Orçamento do Estado para 2019, um maior investimento no interior do país, sobretudo na área da Saúde.
07h00 - segunda, 22/10/2018
Vaivém Oceanário
na cidade de Beja
O Vaivém Oceanário chega a Beja nesta segunda-feira, 22 de Outubro, ficando na cidade até ao próximo domingo, 28, numa iniciativa da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja.

Data: 12/10/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial