00h00 - segunda, 16/07/2018

Intercidades volta
a Amoreiras-Gare

Intercidades volta a Amoreiras-Gare

Cinco de Agosto: é esta a data definida pela empresa Comboios de Portugal (CP) para o início das paragens do Intercidades na estação Amoreiras-Odemira, em Amoreiras-Gare. Uma data que marca o regresso do serviço de passageiros a esta estação e que há muito era aguardado pela população da pequena aldeia na freguesia de São Martinho das Amoreiras (Odemira).
"O primeiro passo está dado", observa com satisfação o presidente da Junta de Freguesia de São Martinho das Amoreiras, lembrando que esta era uma reivindicação muito antiga. Por isso, "esta é, sem dúvida, uma batalha ganha", acrescenta o socialista Nuno Duarte.
A decisão da CP surge depois de anos de diálogo com a Câmara de Odemira, Junta de Freguesia de São Martinho das Amoreiras e Associação de Desenvolvimento de Amoreiras-Gare. Para já, o Intercidades apenas vai parar em Amoreiras-Gare enquanto vigorar o "horário de Verão", estando agendadas duas paragens: da parte manhã às 9h49, no sentido Faro-Lisboa (onde chegará pelas 11h42), e de tarde às 20h18 no sentido Lisboa-Faro, com chegada à capital algarvia pelas 21h50.
"As paragens não são aquelas que eram desejadas, mas para início é assim", afirma o autarca Nuno Duarte, considerando que a paragem do Intercidades em Amoreiras-Gare vai, seguramente, "trazer mais gente à aldeia" e "fomentar o movimento no comércio local".
"Este benefício para a aldeia será o benefício para a freguesia, que também ficará dotada de mais um meio de transporte que até agora não tinha. E para o concelho é uma grande mais-valia, assim como para algumas freguesias de concelhos limítrofes. O norte do concelho de Odemira ficará assim servido de uma estação de caminho-de-ferro", acrescenta o presidente da Junta de São Martinho das Amoreiras.
Alcançado o objectivo de ter comboios de passageiros novamente a parar em Amoreiras-Gare, Nuno Duarte quer agora que tal continue para além do "horário de Verão".
"Agora é as pessoas usarem [o comboio], para que sejam necessários mais comboios a parar aqui", argumenta o autarca". "Porque não temos grandes dúvidas que se não for uma coisa benéfica para a CP, se não der lucro, não se vai manter. Portanto, agora as pessoas vão ter de utilizar [o comboio] e mostrar no terreno que aquilo que sempre dissemos: que faz falta o comboio, que há utentes e que fazem falta mais paragens", conclui.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
10h13 - quinta, 18/04/2019
Novo equipamento de TAC no hospital de Beja
O novo equipamento de TAC (Tomografia Axial Computorizada) do Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja, entrou em funcionamento nesta quinta-feira, 18 de Abril, representando um investimento de cerca de 1,2 milhões de euros.
07h00 - quinta, 18/04/2019
Cidade de Beja celebra
Dia dos Monumentos
A Câmara de Beja assinala nesta quinta-feira, 18 de Abril, o Dia dos Monumentos e Sítios com duas iniciativas no Moinho Grande, situado a poucos quilómetros da entrada da cidade por Ferreira do Alentejo.
07h00 - quinta, 18/04/2019
Escolas de Odemira
lideram na reciclagem
As escolas Básicas 2,3 Damião de Odemira (Odemira) e Básica nº1 de Sabóia lideram o ranking distrital finda a primeira fase da 11ª edição da "Geração Depositrão", iniciativa ambiental que visa a recolha de pilhas e de equipamentos eléctricos e electrónicos em fim de vida.
07h00 - quarta, 17/04/2019
Junta de Mértola
ensina a ler rótulos
A Casa das Artes Mário Elias, na vila de Mértola, recebe nesta quarta-feira, 17 de Abril, a partir das 21h00, a sessão "Como ler rótulos", promovida pela Junta de Freguesia local.
07h00 - quarta, 17/04/2019
CIMBAL aprova moção
sobre Notre Dame
A Assembleia Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL) aprovou na segunda-feira, 15, por unanimidade, uma moção onde manifesta "a sua profunda solidariedade" com França devido ao incêndio na catedral de Notre Dame, em Paris.

Data: 19/04/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial