00h00 - segunda, 16/07/2018

Intercidades volta
a Amoreiras-Gare

Intercidades volta a Amoreiras-Gare

Cinco de Agosto: é esta a data definida pela empresa Comboios de Portugal (CP) para o início das paragens do Intercidades na estação Amoreiras-Odemira, em Amoreiras-Gare. Uma data que marca o regresso do serviço de passageiros a esta estação e que há muito era aguardado pela população da pequena aldeia na freguesia de São Martinho das Amoreiras (Odemira).
"O primeiro passo está dado", observa com satisfação o presidente da Junta de Freguesia de São Martinho das Amoreiras, lembrando que esta era uma reivindicação muito antiga. Por isso, "esta é, sem dúvida, uma batalha ganha", acrescenta o socialista Nuno Duarte.
A decisão da CP surge depois de anos de diálogo com a Câmara de Odemira, Junta de Freguesia de São Martinho das Amoreiras e Associação de Desenvolvimento de Amoreiras-Gare. Para já, o Intercidades apenas vai parar em Amoreiras-Gare enquanto vigorar o "horário de Verão", estando agendadas duas paragens: da parte manhã às 9h49, no sentido Faro-Lisboa (onde chegará pelas 11h42), e de tarde às 20h18 no sentido Lisboa-Faro, com chegada à capital algarvia pelas 21h50.
"As paragens não são aquelas que eram desejadas, mas para início é assim", afirma o autarca Nuno Duarte, considerando que a paragem do Intercidades em Amoreiras-Gare vai, seguramente, "trazer mais gente à aldeia" e "fomentar o movimento no comércio local".
"Este benefício para a aldeia será o benefício para a freguesia, que também ficará dotada de mais um meio de transporte que até agora não tinha. E para o concelho é uma grande mais-valia, assim como para algumas freguesias de concelhos limítrofes. O norte do concelho de Odemira ficará assim servido de uma estação de caminho-de-ferro", acrescenta o presidente da Junta de São Martinho das Amoreiras.
Alcançado o objectivo de ter comboios de passageiros novamente a parar em Amoreiras-Gare, Nuno Duarte quer agora que tal continue para além do "horário de Verão".
"Agora é as pessoas usarem [o comboio], para que sejam necessários mais comboios a parar aqui", argumenta o autarca". "Porque não temos grandes dúvidas que se não for uma coisa benéfica para a CP, se não der lucro, não se vai manter. Portanto, agora as pessoas vão ter de utilizar [o comboio] e mostrar no terreno que aquilo que sempre dissemos: que faz falta o comboio, que há utentes e que fazem falta mais paragens", conclui.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 23/10/2018
Deputado do PS elogia medidas do OE 2019 para o interior
O deputado do PS eleito por Beja considera que a proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2019 "sinaliza a valorização do Interior" por parte do Governo, seja com benefícios para as empresas ou com o aumento das transferências para as câmaras municipais e juntas de freguesia.
07h00 - terça, 23/10/2018
Detidos em Ferreira
por furto de alumínio
A GNR de Ferreira do Alentejo devete no passado domingo, 21 de Outubro, dois homens, um de 33 anos e outro de 47, por suspeitas da prática do crime de furto de material em alumínio.
07h00 - terça, 23/10/2018
GNR apreende material
contrafeito na Feira de Castro
A GNR de Almodôvar apreendeu no passado sábado, 20 de Outubro, um total de 794 artigos contrafeitos na Feira de Castro, tendo identificado cinco pessoas com idades entre os 23 e os 59 anos.
07h00 - segunda, 22/10/2018
BE que mais investimento
na Saúde para o interior
A líder do Bloco de Esquerda (BE) esteve neste domingo, 21 de Outubro, em Castro Verde, onde defendeu, no âmbito do Orçamento do Estado para 2019, um maior investimento no interior do país, sobretudo na área da Saúde.
07h00 - segunda, 22/10/2018
Vaivém Oceanário
na cidade de Beja
O Vaivém Oceanário chega a Beja nesta segunda-feira, 22 de Outubro, ficando na cidade até ao próximo domingo, 28, numa iniciativa da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja.

Data: 12/10/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial