00h00 - segunda, 18/06/2018

Rui Saturnino lidera
Mineiro Aljustrelense

Rui Saturnino lidera Mineiro Aljustrelense

Requalificar a sede social do clube, envolver mais os associados no dia-a-dia da instituição e construir uma equipa capaz de chegar ao título distrital são as metas assumidas pelo novo presidente do Mineiro Aljustrelense. Rui Saturnino foi eleito para o cargo a 11 de Junho, depois de o emblema da vila das minas ter passado o último ano gerido por uma comissão administrativa.
"Como já fazia parte da comissão administrativa, cheguei à conclusão que tinha de dar este passo, pois estava a ver – mesmo em termos de futebol sénior, em que a época tem de ser preparada com muita antecedência – que se não avançasse as coisas podiam tornar-se difíceis", assume ao "CA" o novo presidente do Aljustrelense, de 37 anos.
Um passo, continua Rui Saturnino, que é dado com muito orgulho. "Comecei cedo a acompanhar o Mineiro Aljustrelense, no 'velhinho' Campo das Minas, e a partir daí criei um grande amor pelo clube e sempre sonhei com este momento. É uma maneira de fazer alguma pela minha terra e pelo clube", diz.
Rui Saturnino vai liderar o Mineiro no biénio 2018-2020 e não espera encontrar qualquer "surpresa" menos agradável. "Em termos financeiros o clube apresenta uma grande estabilidade, fruto do trabalho da última comissão, que pagou algumas dívidas que vinham de anteriormente e deixou alguma margem de conforto", afirma o dirigente, deixando a garantia de que todas as equipas e modalidades terão "mais condições e mais apoio".
É tendo por base este quadro de estabilidade que Rui Saturnino assume como uma das grandes prioridades a requalificação da actual sede, "que está desadequada e antiquada e é pouco frequentada pelos associados". "Queremos chamar gente para uma sede renovada, que poderá também ser uma fonte de receita para o clube", diz.
O novo presidente do Mineiro Aljustrelense pretende igualmente "fomentar a participação" dos associados na vida do clube, "como houve outrora", ao mesmo tempo que ambiciona um maior "envolvimento" dos pais e das famílias, sobretudo na formação.
Os novos órgãos sociais do Mineiro Aljustrelense contam ainda com João Korrodi como presidente da Mesa da Assembleia Geral, enquanto Rui Pereira é o novo presidente do conselho fiscal.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 22/02/2019
"PSD tem que sair
da Praça da República"
O empresário Gonçalo Valente, 38 anos, é o novo presidente da Distrital de Beja do PSD e em entrevista ao "CA" revela as prioridades dos sociais-democratas da região para os próximos dois anos.
07h00 - sexta, 22/02/2019
Resialentejo recolhe
tampas de plástico
A empresa intermunicipal Resialentejo, que opera em oito concelhos do distrito de Beja, estabeleceu um protocolo com a "Coração Delta", do Grupo Nabeiro, para a dinamização do projecto "Dê Uma Tampa".
07h00 - sexta, 22/02/2019
Odemira eleita na Rede
das Cidades Educadoras
A Câmara de Odemira foi reeleita, pela terceira vez, para a comissão coordenadora da Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadores, que é constituída por 74 municípios de Norte a Sul do país.
07h00 - quinta, 21/02/2019
EMAS Beja
melhora gestão de
águas residuais
Colocar a cidade de Beja "como uma referência" ao nível do tratamento de águas residuais urbanas é o grande objectivo da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja, que vai implementar em 2019 um plano operacional estratégico para alcançar "uma melhoria significativa" na gestão das redes de águas residuais do concelho.
07h00 - quinta, 21/02/2019
PS de Beja elogia
passagem do Museu
Regional para a DRCA
A Concelhia de Beja do PS elogia a transferência do Museu Regional para a tutela da Direcção Regional de Cultura do Alentejo (DRCA), considerando que esta "potenciará Beja e o seu património junto de um público muito mais alargado".

Data: 22/02/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial