07h00 - sexta, 01/12/2017

Equipa feminina do
Castrense "em alta"

Equipa feminina do Castrense "em alta"

A equipa feminina do FC Castrense (ainda) não sonha com a subida ao principal escalão da modalidade em Portugal, mas quer melhorar a brilhante prestação alcançada em 2016-2017, que lhe valeu um terceiro lugar na Série E do Campeonato Nacional de Promoção. Uma meta que, volvidas sete jornadas em 2017-2018, está a ser amplamente alcançada: a equipa é segunda classificada na Série F com 19 pontos, fruto de seis vitórias e um empate em sete rondas.
"Não posso estar triste com o rendimento da equipa, muito pelo contrário. Estamos a fazer um campeonato muito bom e já passámos a primeira eliminatória da Taça de Portugal", nota com satisfação o técnico do FC Castrense.
"A equipa está a responder melhor do que aquilo que pensaríamos e o campeonato está a ser muito bom", acrescenta Ruben Lança, 31 anos, que nesta temporada tem como adjunto Roberto Belchior e André Caçoila. Os seccionistas são Humberto Simão e Aurélio Ramires.
Mas apesar do bom arranque de época da equipa e de contar este ano com um plantel que lhe enche "as medidas", o jovem treinador prefere não embandeirar em arco. E quando se toca a falar de uma eventual subida, lembra que nem sempre o querer é poder.
"Quem trabalha comigo e acompanha o trabalho da minha equipa técnica sabe que queremos sempre mais. As atletas sabem isso e merecem isso. Mas subir… é muito complicado! Vamos ser realistas: estamos a falar dos mesmos problemas que tivemos o ano passado, que são as lesões", sustenta Ruben Lança, sem contudo fechar qualquer porta a horizontes mais ambiciosos.
"Vamos ver o que o futuro nos reserva", diz, para logo deixar uma garantia a atletas e adeptos: "Mas a verdade é que este segundo lugar é para manter e vamos lutar por isso. Vai ser assim jogo-a-jogo e de certeza, com o trabalho semanal que elas têm, que isso vai acontecer".
O trabalho sustentado do FC Castrense no futebol feminino faz do clube cada vez mais uma referência na modalidade no sul de Portugal. Um "estatuto" que Ruben Lança reconhece, destacando a capacidade que a equipa de Castro Verde tem tido de se renovar todos os anos, em virtude da saída de atletas para clubes com outra dimensão (e poderio).
"Fazemos um bom trabalho a este nível e conseguimos captar atletas com potencial que vêm das selecções distritais. E temos outra vantagem, que continuo a achar importante para o desenvolvimento da modalidade no nosso distrito: conseguimos renovar a nossa equipa sem 'destruir' as equipas de futsal", observa Ruben Lança.
Tudo isto leva o jovem técnico a mostrar-se esperançoso em relação ao futuro da equipa… e da modalidade na região. "Temos duas atletas com idas regulares à Selecção Nacional e temos atletas observadas para a Selecção, o que para mim é motivo de orgulho. E pela experiência que tenho, sei que vem aí uma geração muito boa de jogadoras", remata.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 21/08/2018
Nova consulta de VIH
no hospital de Beja
A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA) tem a funcionar desde a passada sexta-feira, 17, a consulta hospitalar de Profilaxia Pré-exposição, destinada a pessoas com risco acrescido de aquisição de infecção por VIH.
07h00 - terça, 21/08/2018
Junta de Mértola
compra nova carrinha
A Junta de Freguesia de Mértola acaba de adquirir uma nova viatura de nove lugares, investimento avaliado em 16500 euros para dar respostas "mais eficazes" à necessidade de mobilidade dos residentes da freguesia.
07h00 - segunda, 20/08/2018
Um "mercadinho"
no centro de Castro
Já é quase meio-dia, o termómetro há muito que ultrapassa os 30 graus e Daniel Alves continua junto à banca no "coração" de Castro Verde.
07h00 - segunda, 20/08/2018
Zambujeira do Mar na
final das "Maravilhas"
A mesa da Zambujeira dor Mar, promovida pelo restaurante Costa Alentejana em conjunto com a Câmara de Odemira, garantiu a passagem à grande final do concurso "Maravilhas à Mesa".
07h01 - sexta, 17/08/2018
Bombeiros de Castro
com nova viatura
A corporação dos Bombeiros Voluntários de Castro Verde contam desde o início deste mês de Agosto com um novo Veículo Dedicado ao Transporte de Doente (VDTD).

Data: 10/08/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial