00h00 - domingo, 12/11/2017

Universidade Sénior
vai nascer em Ourique

Universidade Sénior vai nascer em Ourique

O projecto da Universidade Sénior do Concelho de Ourique (USCO) já está em marcha e as aulas deverão começar em breve, numa iniciativa promovida pela Associação "Nossa Terra", sedeada na Aldeia de Palheiros.
O projecto, dinamizado em parceria com a Câmara Municipal e as juntas de freguesia, há muito que vinha a ser idealizado pela associação, que com a USCO pretende combater o isolamento social, promovendo as relações interpessoais e o envelhecimento activo.
"Queremos demonstrar-lhes [aos idosos] que estarem numa idade avançada não significa que não possam adquirir conhecimentos ou ter novas competências. É isso que nos motiva", adianta ao "CA" Marta Afonso.
A presidente da Associação "Nossa Terra" espera que a USCO seja "bem sucedida em termos de participação", até porque ao longo dos últimos anos este foi necessidade várias vezes manifestada pelos idosos que aderem às suas iniciativas,
"Temos tido alguns projectos, como o CASA-Centro de Apoio à Solidão na Aldeia, e das actividades que realizamos percebemos que aquelas que mais os estimulam e que maior motivação causa são aquelas onde adquirem conhecimento", sublinha Marta Afonso.
O projecto destina-se a todos os residentes no concelho de Ourique com idade igual ou superior a 50 anos, que depois poderão frequentar a USCO em cinco diferentes localidades: Ourique, Panóias, Garvão, Santana da Serra e Aldeia de Palheiros.
"Pensámos a USCO numa lógica de tentar chegar ao maior número possível de pessoas", justifica Marta Afonso, garantindo que a ideia é alargar ainda mais a rede no futuro.
"O projecto poderá abranger outras localidades do concelho, como os Grandaços ou a Favela. A nossa ideia é que a USCO tenha pólos em todo o concelho, que é grande e onde as pessoas mais idosas têm alguma dificuldade em deslocar-se. Ou seja, a ideia é a USCO ir ao encontro das pessoas", conclui.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
00h00 - segunda, 20/11/2017
Trabalhos de crianças
para ver em Aljustrel
A Biblioteca Municipal de Aljustrel recebe a partir desta segunda-feira, 20 de Novembro, a exposição "Manta de Retalhos e Desenhos", que junta trabalhos de diversas crianças do concelho.
00h00 - segunda, 20/11/2017
Água: AgdA e cinco autarquias
premiadas com Selo de Qualidade
A empresa Águas Públicas do Alentejo (AgdA) e cinco câmaras municipais do distrito de Beja foram galardoadas na XII Expo-Conferência da Água com o Selo de Qualidade exemplar de água para consumo humano.
00h00 - segunda, 20/11/2017
Semana gastronómica
do medronho em Odemira
Borrego frito com molho de medronho, mel e hortelã, bife de vaca com café e medronho, ensopado de cabrito com molho de medronho e pudim de medronho são algumas das propostas ao longo desta semana em quatro restaurantes do concelho de Odemira.
00h00 - domingo, 19/11/2017
Bloco de Esquerda cria
Concelhia em Odemira
Reforçar a actividade do partido na Assembleia Municipal de Odemira e nas assembleias de freguesia do concelho é um dos grandes objectivos da nova Concelhia de Odemira do Bloco de Esquerda (BE).
00h00 - domingo, 19/11/2017
JS Beja reelegeu
Manuel C. Coelho
O jovem Manuel de Castro Coelho foi reeleito presidente da Concelhia de Beja da Juventude Socialista (JS) e traça como metas "fazer mais" por Beja e pelos jovens do concelho.

Data: 10/11/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial