07h00 - quinta, 02/11/2017

obras de 10,3 milhões
nas estradas do distrito

obras de 10,3 milhões nas estradas do distrito

A empresa Infra-estruturas de Portugal (IP) prevê investir um total de 10,3 milhões de euros, ao longo dos próximos três anos, na conservação corrente da rede rodoviária nacional no distrito de Beja.
De acordo com a empresa, os trabalhos de beneficiação e manutenção da rede viária serão executados "no âmbito de contratos de prestação de serviço, que constituem uma importante ferramenta assegurando ganhos efectivos ao nível da eficiência na gestão dos recursos, elevando assim a qualidade do serviço prestado pela empresa".
A IP é responsável por 1.246 quilómetros de estrada no distrito de Beja, a que se juntam mais 335 estruturas especiais como pontes ou viadutos.
O contrato de conservação corrente abrange obras como a reparação e beneficiação de pavimentos, reposição e adequação da sinalização, guardas de segurança e outros equipamentos de protecção, limpeza das bermas e zonas adjacentes à faixa de rodagem, estabilização de taludes, conservação e recolocação de vedações, tratamento dos sistemas de drenagem ou reparações em pontes e outras estruturas.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 17/11/2017
Empresa MESA instala-se no aeroporto de Beja
A empresa de engenharia e manutenção MESA, ligada ao grupo da companhia aérea HiFly, vai ter um hangar de manutenção de aviões no aeroporto de Beja, que deverá começar a ser construído em Abril de 2018.
07h00 - quarta, 15/11/2017
Montaraz de Garvão
premiada no estrangeiro
A empresa Montaraz de Garvão, que produz produtos à base de carne de porco alentejano no concelho de Ourique, foi recentemente premiada em Inglaterra, durante mais uma edição dos "Great Taste Awards 2017".
00h00 - segunda, 13/11/2017
PDR 2020 apresentado
a agricultores em Aljustrel
A Esdime/ Agência para o Desenvolvimento Local do Alentejo Sudoeste promove nesta segunda-feira, 13, uma sessão de informação sobre os apoios do Programa de Desenvolvimento Rural 2014-2020 (PDR 2020).
00h00 - sexta, 10/11/2017
Mineiros de Aljustrel
avançam para greve
Depois de Neves-Corvo, a greve vai chegar às minas de Aljustrel! A paralisação vai decorrer entre as seis da manhã de 22 de Novembro e as 8h30 de 26 de Novembro e vai abranger os trabalhadores das empresas Almina, Empresa de Perfuração e Desenvolvimento Mineiro (EPDM) e Urmáquinas, segundo os pré-avisos de greve já entregues pelo Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) às respectivas administrações.
00h00 - segunda, 06/11/2017
Greve de regresso
à mina de Neves-Corvo
Os trabalhadores da Somincor, empresa concessionária da mina de Neves-Corvo, no concelho de Castro Verde, iniciam às 6h00 desta segunda-feira, 6 de Novembro, uma nova greve de cinco dias.

Data: 10/11/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial