11h37 - quarta, 14/06/2017

Castro Verde já é Reserva
da Biosfera da Unesco

Castro Verde já é Reserva da Biosfera da Unesco

Está confirmado: o concelho de Castro Verde já faz parte da rede mundial de Reservas da Biosfera da UNESCO. A decisão foi anunciada na manhã desta quarta-feira, 14, em Paris, durante a reunião do Conselho de Coordenação Internacional do programa "Man & the Biosphere" (MaB).
Castro Verde torna-se assim na 11ª reserva da biosfera em Portugal, a primeira a sul do Tejo. Um galardão atribuído depois da candidatura apresentada pela Câmara Municipal, Liga para a Protecção da Natureza e Associação de Agricultores do Campo Branco.
Reagindo à decisão da Unesco, a secretária de Estado do Ordenamento do Território e Conservação da Natureza sublinhou tratar-se de "mais um reconhecimento internacional, desta vez com o timbre da UNESCO, dos valores naturais e culturais" do país.
Esta distinção significa também "uma grande dimensão de auto-estima para aquela parcela do Alentejo, que soube durante todos estes anos desenvolver actividades em harmonia com os habitats e produziu um habitat excepcional com um conjunto de espécies que são simbólicas e únicas", acrescentou Célia Ramos.
Já o PCP de Castro Verde, em nota de imprensa, congratula-se com a decisão da Unesco, considerando que esta "confirma não só a pertinência da candidatura que tinha sido apresentada e subscrita por várias entidades, com destaque para a Câmara Municipal de Castro Verde, mas sobretudo o resultado do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido no concelho, em matéria de gestão do território e da compatibilização dos valores naturais com o uso humano".
Recorde-se que Castro Verde candidatou-se a reserva da Biosfera da Unesco por ser um "eco-sistema humanizado de alto valor natural", fruto do trabalho contínuo de há várias décadas e "onde a agricultura tem desempenhado um papel fundamental, com resultados ao nível da preservação da biodiversidade e dos valores naturais, culturais e paisagísticos que conferem ao concelho uma diversidade única e específica".

[notícia actualizada na quinta-feira, 15 de Junho]


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
00h00 - sábado, 19/08/2017
Amanto retirado
da escola da Salvada
A Câmara de Beja tem a decorrer obras de reabilitação na Escola Básica de Salvada, que incluem a remoção da actual estrutura de fibrocimento com amianto e a colocação de uma nova cobertura.
00h00 - sábado, 19/08/2017
Novos centros escolares
em São Teotónio e São Luís
A Câmara de Odemira já tem em marcha os projectos dos novos centros escolares de São Teotónio e de São Luís, obras que estão avaliados num montante total superior a 2,7 milhões de euros.
00h00 - sábado, 19/08/2017
Novos equipamentos para
trabalhadores da CM Serpa
A Câmara de Serpa entregou esta semana novos equipamentos de protecção individual (EPI) aos trabalhadores da sua Divisão de Obras Municipais e Ambiente (DOMA).
00h00 - sexta, 18/08/2017
Risco de incêndio elevado no distrito de Beja
O Governo declarou nesta quinta-feira, 17, o estado de calamidade pública em algumas zonas do território nacional, entre as quais diversos concelhos do distrito de Beja.
00h00 - sexta, 18/08/2017
Serviços de saúde nas praias
de Milfontes e Zambujeira
A Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA) tem a funcionar, até final deste mês de Agosto, dois postos de saúde nas praias de Vila Nova de Milfontes e Zambujeira do Mar, ambas no concelho de Odemira.

Data: 04/08/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial