00h00 - quinta, 18/05/2017

Aljustrel debate os
problemas do interior

Aljustrel debate os problemas do interior

Contribuir para a construção e execução de uma "Agenda para o Interior" que estes territórios é o grande objectivo da edição de 2017 das Conferências de Aljustrel. A iniciativa é organizada pela Câmara Municipal local em parceria com a Unidade de Missão para a Valorização do Interior (UMVI) e vai decorrer esta quinta e sexta-feira, dias 18 e 19, no Cine Oriental.
Este ano as conferências mantêm o lema "Cidadania, Inovação e Território" e segundo a autarquia irão procurar "dar válidos e fundamentados contributos para a construção e execução de uma 'Agenda para o Interior' que o valorize no quadro de uma real coesão territorial, conforme decisão e desafio governamental".
Para tal, o programa das conferências vai incidir em três grandes áreas: "Inovação da Base Económica", "Atractividade Territorial" e "Abordagens, Redes e Participação", juntando diversos especialistas e empreendedores de vários pontos do país.
As Conferências de Aljustrel 2017 começam na manhã desta quinta-feira, 18, sendo que a sessão de abertura, às 9h30, estará a cargo do autarca Nelson Brito. Segue-se o painel "Inovação da Base Económica", com as intervenções de Manuel Brandão Alves (economista), Teresa Pinto Correia (investigadora agro-rural) e Bernardo Gaeiras (da Rede FabLabs).
De tarde, pelas 14h30, a discussão será em torno do tema "Atractividade Territorial", com António Oliveira das Neves (investigador), Luís Afonso (cartunista e geógrafo) e Daniel Oliveira (jornalista e comentador político).
Na sexta-feira, 19, o programa começa às 9h30 com o painel "Abordagens, Redes e Participação", onde falarão Álvaro Cidrais (geógrafo), Tiago Teotónio Pereira (interventor no Norte Alentejano) e Ana Cristina Teixeira (gestora de projectos e animadora cultural). Segue-se a conferência de encerramento, com o economista José Reis, e depois a sessão de encerramento, com Helena Freitas (coordenadora da UMVI) e Nelson Brito (presidente da Câmara de Aljustrel).
As Conferências de Aljustrel 2017 terminam à hora de almoço, com um momento de confraternização no Centro d´Artes, que inclui exposições, uma degustação de produtos locais e uma visita ao Parque Mineiro de Aljustrel, incluindo a galeria mineira de Algares.


Notícias Relacionadas

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
00h00 - segunda, 19/06/2017
BEI visita projectos
na zona do Alqueva
Alguns dos projectos que integram a candidatura de Portugal para o alargamento do perímetro de rega do Alqueva vão ser visitados durante esta semana por uma delegação do Banco Europeu de Investimento (BEI).
00h00 - domingo, 18/06/2017
Alentejo 2020 já aprovou
332 milhões em fundos europeus
O Programa Operacional Regional Alentejo 2020 já aprovou um total de 1159 candidaturas, o que representa um total de 332 milhões de euros de fundos europeus.
07h00 - terça, 13/06/2017
27% das farmácias do distrito em insolvência ou com penhora
De acordo com a Associação Nacional de Farmácias (ANF), cerca de 27% das farmácias do distrito de Beja encontra-se em situação de insolvência ou penhora.
00h00 - sexta, 09/06/2017
Operadores sem interesse no aeroporto de Beja
A falta de interesse dos operadores aéreos em utilizar o aeroporto de Beja tem feito com que a infra-estrutura esteja a ter "uma fase de arranque extremamente difícil".
00h00 - segunda, 05/06/2017
Adega da Vidigueira teve
"ano positivo" em 2016
O presidente da Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito (ACV) considera que 2016 "foi um ano positivo" para a instituição, apesar de uma quebra de produção de cerca de 8%.

Data: 23/06/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial