00h00 - sábado, 18/03/2017

Deputada do PSD quer
acessos do IP2 repostos

Deputada do PSD quer acessos do IP2 repostos

A deputada do PSD eleita por Beja entregou esta semana na Assembleia da República um projecto de resolução sobre a interrupção dos acessos ao IP2 na zona de Entradas (Castro Verde).
No documento apresentado no Parlamento, Nilza de Sena recomenda ao Governo "que proceda às diligências necessárias" com as Infra-estruturas de Portugal para a reposição dos acessos interrompidos nos nós Sul e Norte para Entradas, "restabelecendo a circulação das populações nas propriedades limítrofes e afins".
"Não podem haver populações de primeira e populações de segunda, todos devem ter igual direito de circulação, de poder transitar com veículos agrícolas, ciclomotores e outros veículos sem motor ou de tracção animal e fazer a sua vida com toda a normalidade", defende a deputada laranja no projecto de resolução.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quinta, 27/07/2017
Câmara de Odemira avança
com valorização do rio Mira
A Câmara de Odemira pretende criar as condições para que o concelho tire partido do rio Mira nas suas diversas valências, desde a barragem de Santa Clara-a-Velha até à foz, em Vila Nova de Milfontes.
07h00 - quarta, 26/07/2017
Mercado estabilizado
no porco alentejano
O concelho de Ourique continua a ser um dos mais importantes ao nível da produção de porco alentejano, contando actualmente com cerca de seis mil animais de montanheira.
00h00 - domingo, 23/07/2017
Empreendedorismo
premiado na FACECO
Tal como ano anterior, a FACECO 2017 vai ser palco da entrega do "Prémio Espírito Empreendedor", cerimónia agendada para as 15h00 deste domingo, 23 de Julho.
00h00 - sexta, 21/07/2017
Porco alentejano vai chegar ao mercado chinês
De Ourique a Pequim vai meio mundo de distância, mas as duas localidades estão agora bem mais "próximas" após o acordo recentemente estabelecido entre os governos de Portugal e da China.
07h00 - terça, 18/07/2017
Neves-Corvo: Somincor e STIM sem acordo
A administração da empresa Somincor, que explora a mina de Neves-Corvo, em Castro Verde, não chegou a acordo com o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Miniera (STIM) sobre a aplicação do novo horário de trabalho.

Data: 21/07/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial