21h17 - domingo, 24/01/2016

Marcelo Rebelo de Sousa
vencedor no distrito de Beja

Marcelo Rebelo de Sousa vencedor no distrito de Beja

Tal como no plano nacional, Marcelo Rebelo de Sousa foi o vencedor das Eleições Presidenciais 2016 no distrito de Beja, ainda que com uma escassa vantagem sobre o segundo classificado Sampaio da Nóvoa.
O candidato apoiado por PSD e CDS-PP garantiu 18.911 votos, o que lhe permitiu uma vitória com 31,71%.
Por concelhos, Marcelo foi o mais votado em Almodôvar, Alvito, Barrancos, Beja, Odemira, Ourique e Serpa. O melhor resultado do "professor" no distrito foi obtido em Ourique, com 44,90% dos votos, e o pior em Aljustrel, com apenas 19,97%.
Sampaio da Nóvoa foi o segundo classificado, com 18.770 votos (31,47%), tendo ganho nos concelhos de Aljustrel, Castro Verde, Cuba, Ferreira do Alentejo, Mértola, Moura e Vidigueira.
O terceiro mais votado pelos eleitores do distrito de Beja foi o comunista Edgar Silva, com 9.290 votos (15,58%), à frente das candidatas Marisa Matias (6.741 votos – 11,30%) e Maria de Belém (3.046 votos – 5,11%).
No sexto lugar ficou Vitorino Silva (1.354 votos – 2,27%), seguido por Paulo Morais (724 votos – 1,21%), Henrique Neto (412 votos – 0,69%), Cândido Ferreira (209 votos – 0,35%) e, por fim, Jorge Sequeira (189 votos – 0,32%).
No distrito de Beja votaram 44.345 dos 93.581 eleitores inscritos, tendo a abstenção sido de 52,63%.


RESULTADO NO DISTRITO DE BEJA
Marcelo Rebelo de Sousa – 31,71%
Sampaio da Nóvoa – 31,47%
Edgar Silva – 15,58%
Marisa Matias – 11,30%
Maria de Belém – 5,11%
Vitorino Silva – 2,27%
Paulo Morais – 1,21%
Henrique Neto – 0,69%
Cândido Ferreira – 0,35%
Jorge Sequeira – 0,32%


POR CONCELHO

Aljustrel
Sampaio da Nóvoa – 38,24%
Edgar Silva – 24,20%
Marcelo R. Sousa – 19,97%
Marisa Matias – 10,18%
Maria de Belém – 3,44%

Almodôvar
Marcelo R. Sousa – 37,58%
Sampaio da Nóvoa - 33,34%
Marisa Matias – 12,25%
Maria de Belém – 7-01%
Edgar Silva – 4,48%

Alvito
Marcelo R. Sousa – 36,18%
Sampaio da Nóvoa - 32,17%
Edgar Silva – 12,24%
Marisa Matias – 8,44%
Maria de Belém – 5,06%

Barrancos
Marcelo R. Sousa – 37,21%
Sampaio da Nóvoa – 23,97%
Marisa Matias – 15,21%
Edgar Silva – 11,09%
Maria de Belém – 6,44%

Beja
Marcelo R. Sousa – 34,11%
Sampaio da Nóvoa – 31,91%
Edgar Silva – 14,55%
Marisa Matias – 10,62%
Maria de Belém – 4,54%

Castro Verde
Sampaio da Nóvoa – 34,17%
Marcelo R. Sousa – 26,78%
Marisa Matias – 15,22%
Edgar Silva – 13,97%
Maria de Belém – 5,39%

Cuba
Sampaio da Nóvoa – 34,87%
Marcelo R. Sousa – 29,75%
Edgar Silva – 20,53%
Marisa Matias – 7,37%
Maria de Belém – 3,66%

Ferreira do Alentejo
Sampaio da Nóvoa – 32,13%
Marcelo R. Sousa – 29,62%
Edgar Silva – 14,06%
Marisa Matias – 11,08%
Maria de Belém – 7,52%

Mértola
Sampaio da Nóvoa – 34,10%
Marcelo R. Sousa – 23,82%
Edgar Silva – 20,96%
Marisa Matias – 10,64%
Maria de Belém – 6,00%

Moura
Sampaio da Nóvoa – 33,64%
Marcelo R. Sousa – 30,76%
Edgar Silva – 16,50%
Marisa Matias – 10,49%
Maria de Belém – 4,29%

Odemira
Marcelo R. Sousa – 35,62%
Sampaio da Nóvoa – 27,46%
Marisa Matias – 14,44%
Edgar Silva – 9,55%
Maria de Belém – 5,72%

Ourique
Marcelo R. Sousa – 44,90%
Sampaio da Nóvoa – 26,22%
Edgar Silva – 8,95%
Marisa Matias – 8,72%
Maria de Belém – 6,57%

Serpa
Marcelo R. Sousa – 28,83%
Edgar Silva – 28,08%
Sampaio da Nóvoa – 26,96%
Marisa Matias – 9,13%
Maria de Belém – 4,39%

Vidigueira
Sampaio da Nóvoa – 36,50%
Marcelo R. Sousa – 29,16%
Edgar Silva – 14,01%
Marisa Matias – 11,75%
Maria de Belém – 4,55%


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quarta, 20/09/2017
ACOS cria serviço
para venda de ovinos
Ganhar escala, garantir a segurança comercial e a continuidade da ovinicultura, bem como contribuir para as exportações, são os principais objectivos do novo Serviço de Comercialização de Ovinos da ACOS.
07h00 - terça, 19/09/2017
Greve vai avançar nas
minas de Neves-Corvo
Está decidido: os trabalhadores das minas de Neves-Corvo vão fazer uma greve de quatro dias, entre as 6h00 de 3 de Outubro e as 6h00 de 7 de Outubro, para reivindicar "o fim do regime de laboração contínua no fundo da mina" e pela "humanização dos horários de trabalho".
00h00 - domingo, 17/09/2017
Trabalhadores de Neves-Corvo reúnem em plenário
Os trabalhadores da mina de Neves-Corvo, no concelho de Castro Verde, reúnem neste domingo, 17 de Setembro, em plenário, depois do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) e a Somincor não terem ainda chegado a acordo sobre os novos horários a aplicar a quem trabalha no fundo da mina.
00h00 - sexta, 15/09/2017
Greve "à vista"
nas minas
de Neves-Corvo
Greve à vista em Neves-Corvo! A administração da Somincor e o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) voltaram a reunir esta quarta-feira, 13, mas continuam sem acordo sobre os novos horários de trabalho a implementar na mina do concelho de Castro Verde.
07h00 - quarta, 13/09/2017
Somincor e sindicato
reúnem em Neves-Corvo
A administração da Somincor e representantes do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) reúnem esta quarta-feira, 13, em Neves-Corvo.

Data: 15/09/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial